Discografias

Ao penetrar na obrade algum artista, percebe-se uma peculiaridade: a diferença entre a parte e as somas das mesmas. Determinados álbuns insignificantes podem fazer muito sentido no contexto de determinado artista, e vice-versa. Os textos dessa seção abordam essa visão macro, um vôo de águia sobre um conjunto de álbuns e o que, juntos, podem oferecer.

Linkin Park (parte 1) (parte 2) (parte 3)

Nirvana (parte 1) (parte 2)

The Killers (parte 1) (parte 2) (parte 3) (parte 4)

Titãs (parte 1) (parte 2) (parte 3)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s